O que fazemos

O Instituto Humanitas360 é um think-do tank comprometido em construir conexões como ferramentas poderosas para promover mudanças na América Latina.

Acreditamos que o engajamento cidadão é capaz de melhorar padrões de vida e lidar com desafios urgentes em governança e transparência, segurança cidadã e direitos humanos na América Latina.

Estimulamos debates, encorajando que todos compartilhem suas experiências com o intuito de gerar empatia e transformação.

Fellows do Humanitas360 são empresários, gestores públicos, líderes acadêmicos, líderes comunitários, artistas e representantes da mídia latino-americanos. Acima de tudo, eles são cidadãos.

O Instituto Humanitas360 é uma organização sem fins lucrativos com sede nos Estados Unidos.

Missão

Nossa missão é avançar pesquisa, promover o conhecimento e engajar cidadãos para alcançar melhorias sustentáveis nos padrões de vida na América Latina.

Visão

Construir uma rede de parceiros que trabalha para o empoderamento cidadão na América Latina, focando no desenvolvimento de soluções e no fortalecimento da governança para alcançar transformação social significativa dentro de uma geração.

Nosso Princípio Guia

Nossas ações são guiadas pela “Filantropia de Empatia”, uma filosofia que coloca o aspecto humano da filantropia em primeiro lugar, fazendo com que filantropos e beneficiários sejam parceiros iguais.

Temas prioritários e Objetivos

O Humanitas360 foca sobre o tema da Segurança Cidadã, sobre as quais o instituto identificou três temas prioritários e objetivos:

  • Governança e Transparência:
    • Aumentar a participação cidadã nos processos democráticos para melhorar a governança e transparência na administração pública
    • Aumentar o envolvimento cidadão entre jovens, criando diálogo entre intuições governamentais e cidadãos que irá resultar no aprimoramento de políticas públicas.
  • Sistemas Prisionais:
    • Apoiar soluções e abordagens inovadoras para prevenção social, acesso à justiça, reabilitação e reintegração na sociedade.
  • Políticas de Drogas:
    • Estimular um debate abrangente, equilibrado e baseado em evidências sobre políticas de drogas que promovem a saúde e os direitos humanos.
Acesse aqui os relatórios anuais: