Primeira dama paulista Bia Doria visita cooperativa criada pelo Humanitas360

Patricia Villela Marino, presidente do H360, a primeira dama Bia Doria e Flavia, detenta da cooperativa

A presidente do conselho do Fundo Social de São Paulo e primeira dama paulista, Bia Doria, visitou no último dia 8 de abril a cooperativa criada pelo Instituto Humanitas360 na Penitenciária Feminina II de Tremembé, no interior do estado. As detentas cooperadas receberam das mãos da primeira dama diplomas dos cursos de capacitação técnica em costura e estética, oferecidos pelo Fundo Social.

Patrícia Villela Marino participa da cerimônia de entrega dos certificados

A presidente do H360, Patrícia Villela Marino, e o presidente executivo do Fundo Social, Filipe Sabará, também participaram da entrega dos certificados. Os cursos foram ministrados para 135 detentas dos regimes fechado e semi aberto do presídio, incluindo as 30 sócias da Cooperativa Lili – nome escolhido por elas e que simboliza seu desejo de liberdade.

Os cursos foram ministrados para 135 detentas, incluindo as 30 cooperadas

As aulas aconteceram ao longo de todo o mês de março. Após a entrega dos certificados, o espaço de trabalho da cooperativa recebeu a visita de Bia Doria, que conheceu os produtos ali desenvolvidos e que vêm sendo comercializados sob a marca Tereza. A equipe do Fundo Social levou os cursos para a penitenciária como forma de potencializar o programa “Empreendedorismo Atrás e Além das Grades”, do Humanitas360, e aprofundar a parceria entre as duas instituições.

Ainda não há comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>